Papais e mamães, como fazer com que seu filho fique mais confortável sem estranhar o ambiente da viagem?

Papais e mamães, como fazer com que seu filho fique mais confortável sem estranhar o ambiente da viagem?

Na maioria das vezes, o grande objetivo de viajar é descansar e se divertir. Mas crianças podem estranhar a mudança de rotina e do ambiente, e o resultado acaba sendo muita impaciência e nervosismo de toda a família.

Para evitar esse tipo de situação, não crie expectativas pouco realistas sobre o quanto vocês vão se divertir e deixe a criança ir se acostumando devagar, no ritmo dela. Confira a seguir algumas sugestões:

 Leve o objeto de estimação do bebê.
Se seu filho tem um bichinho de pelúcia favorito, uma fraldinha, um bonequinho ou qualquer tipo de “naninha”, carregue-o com você na viagem.
Esses objetos dão segurança ao bebê e fazem com que ele perceba que nem tudo mudou, apesar de estar num berço diferente, num quarto estranho, num lugar novo.

 Comece, e termine, o dia cedo.
Quando se viaja com crianças pequenas, o ideal é pular da cama cedo, quando elas estão bem-humoradas.

 O período da manhã é o melhor horário para programar viagens, passeios e excursões. As tardes são ideais para brincadeiras mais livres e tranquilas.

 Se você respeitar os horários do seu filho, corre bem menos risco de que ele tenha um stress inesperado.

Lembre-se, a atenção e participação em brincadeiras é muito importante, isto fará ele sentir-se seguro e feliz com a presença dos Pais.

 

Deixe um comentário