Dicas de nutrição

A pedido da Galzerano, a nutricionista Patrícia M Donato Rolizola, que atua diretamente em uma empresa especializada em papinhas, dá dicas sobre a introdução das papinhas na alimentação dos bebês. Ela destaca os cuidados para que esta introdução seja feita de forma a beneficiar toda a vida da criança.

Galzerano – A partir de quantos meses a papinha pode ser incorporada à alimentação do bebê?

Nutricionista – A Organização Mundial de Saúde recomenda o aleitamento materno exclusivo até os 6 meses do bebê. Após esse período, além do leite materno, deve-se iniciar a oferta de alimentos novos, começando com as papinhas de frutas na primeira e segunda semana, e após adaptação do bebê, introduzir as sopinhas salgadas. Para bebês que não mamam no peito, geralmente essa introdução ocorre mais cedo, por volta dos 4 meses, conforme orientação do pediatra.

Galzerano – Quais os nutrientes necessários na papinha para que o bebê não tenha nenhuma carência nutricional?

Nutricionista – Todos os nutrientes são importantes para o bebê. A papinha ideal deve ser rica em vitaminas e minerais necessários para o desenvolvimento da criança, principalmente Ferro, Vitamina A, Vitamina C… Para isso, a alimentação deve ser bem completa e variada.

Galzerano – Quais grupos alimentares devem estar presentes na “papinha saudável”?

Nutricionista – Uma papinha saudável deve conter ingredientes de todos os grupos de alimentos: cereais ou tubérculos (arroz, macarrão, aveia, cará, inhame, etc…), leguminosas (feijões, lentilha, ervilha, grão de bico), hortaliças (verduras e legumes) e carne, frango, peixe ou ovo. É recomendado oferecer vísceras (fígado) ou miúdos uma vez na semana, por serem riquíssimos em ferro.

Galzerano – O que observar na embalagem quando a papinha for industrializada?

Nutricionista – Em primeiro lugar deve-se observar se a marca do produto é autorizada pela Anvisa, e se cumpre a determinação de exibir a composição nutricional do produto. Verifique se a papinha é livre de corantes, conservantes e açúcar, e fique atento aos prazos de validade e se a embalagem está bem lacrada. Observe também se a lista de ingredientes contempla todos os grupos de alimentos necessários para seu bebê.

Patrícia M Donato Rolizola CRN3 – 26819 Nutricionista da Papa Rica

Deixe um comentário