Cirurgia Plástica Após a Gestação

fotolia_99822705

O Período pós-gestação é bastante complexo. Ocorrem mudanças tanto emocionais como do contorno corporal. Essas mudanças corporais como o aumento e flacidez das mamas e abdome e o aparecimento de estrias e manchas na pele podem comprometer a estética feminina.  O ganho maior de peso durante a gestação interfere ainda mais nesse processo tornando a recuperação mais lenta e difícil. O ideal é que o aumento de peso seja proporcional em cada trimestre. No primeiro trimestre a gestante pode aumentar até 1kg mês, no segundo trimestre até 1,5 kg por mês e no terceiro até 2kgs por mês, perfazendo um total de 9 até 12 kgs. Quando essas mudanças interferem na autoestima é comum à mulher querer recorrer a tratamentos estéticos e até a cirurgia plástica nesse período pós-gestação. Pensando nisso, conversamos com o cirurgião plástico Dr. Cyro Palma, que responde algumas das perguntas mais frequentes sobre a cirurgia plástica após a gestação, confira:

Quais são os principais tipos de cirurgias plásticas realizadas pelas mulheres após a gestação?

Os principais tipos de cirurgia plástica realizadas após a gestação são abdominoplastia (com ou sem lipoaspiração) e cirurgia de mama (com ou sem prótese).

A colocação de prótese de silicone nas mamas antes da gestação pode interferir na amamentação?

O fato de se colocar prótese mamária dificilmente vai interferir na amamentação, independente do tamanho das próteses.

Durante a gestação, a mulher pode se submeter a alguma cirurgia plástica?

Durante a gestação não é indicada a realização de nenhuma cirurgia plástica para se evitar os riscos da anestesia para o feto. E também porque as alterações que ocorrem nesse período como acúmulo de gordura, retenção de líquido e mudanças do contorno corporal são por influências hormonais que vão se intensificando até o término da gestação. Portanto, só após a gestação e o período pós-parto deve  opte pipoaspiração e is que lguma cirurgia plre a gestante pode aumentar atpé que a mulher pode se submeter a alguma cirurgia plástica.

Algum tipo de cirurgia plástica pode ser realizada logo após o parto? Ou quanto tempo após?  

Logo após o parto o ideal é o acompanhamento nutricional, endócrino e esportivo, para se promover um restabelecimento rápido. A cirurgia plástica pode ser indicada no abdome com 3 meses após o término da amamentação  e na mama 6 meses após. Isso em casos em que não há intenção de nova gestação em curto prazo.

Qual é a melhor técnica para reduzir as gorduras acumuladas no abdome?

O cirurgião plástico tem que analisar as condições da pele da paciente para decidir qual a técnica mais indicada. Quando há excesso de gordura na região abdominal sem flacidez de pele a lipoaspiração é a melhor técnica. Porém, caso a paciente apresente além da gordura localizada, muita flacidez de pele, o melhor é a abdominoplastia desde que não haja intenção de nova gestação em curto prazo.

No caso da mulher ter passado por uma cesárea e ainda ter propensão à formação de cicatriz elevada, como deve ser o procedimento na cirurgia plástica?

Se a mulher tem propensão à formação de quelóides, ela deve comunicar ao cirurgião plástico. Ele deverá analisar a condição da pele para evitar que isso volte a ocorrer. Muitas técnicas, produtos e lasers foram desenvolvidos para minimizar e tratar o aparecimento de quelóides.

Quando a mulher pode realizar plástica nas mamas após gestação?

O tempo indicado para realização da plástica nas mamas após gestação é no mínimo de seis (6) meses após o término da amamentação.

Após ter se submetido a uma cirurgia plástica de abdome, mamas ou lipoaspiração, o que pode acontecer ao corpo feminino na eventualidade de uma nova gravidez?

Se houver uma nova gravidez logo após a cirurgia plástica a gestante deverá ter muito mais cuidado com o ganho de peso e a hidratação da pele para evitar que o resultado fique comprometido. É fundamental o acompanhamento nutricional nessa situação.

Após  a gestação é recomendada a cirurgia plástica para a remoção de estrias? Em caso negativo, qual seria o tratamento indicado?

Quando as estrias se localizam na parte inferior do abdome (abaixo do umbigo) pode-se indicar a abdominoplastia para a remoção dessas estrias. Mas não é possível intervir cirurgicamente em estrias localizadas acima do umbigo, na cintura ou nas mamas, por exemplo. Mas existem técnicas não cirúrgicas de tratamento que podem melhorar o aspecto das estrias como laser, microagulhamento, esfoliações com ácidos ou outros produtos químicos, etc… Que melhoram bem o aspecto das estrias.

A mulher pode realizar algum tratamento para remoção de manchas após o parto?

Existem alguns tratamentos estéticos não invasivos que podem ser analisados e indicados pelo cirurgião plástico para tratar as manchas de pele como laser, microagulhamneto, despigmentação, peelings e outros.

Lembre-se que é muito importante consultar um profissional e tirar suas dúvidas antes de qualquer procedimento estético.

Deixe um comentário